segunda-feira, 3 de maio de 2010

Surdos Poetrix Duplix



ECOS DISTANTES/ AS VEZES LAMENTOS/

NÂO NÂO OUVIDOS/ TÂO ENDURDECEDORES/

POR TRANSEUNTES/ DO MUNDO CLAMORES/


Mari Rosa
Marilene Borba









SONHOS


Sonhei
Que sonhava
Um sonho qualquer.
No sonho acordava
E constatava
Que o sonho sonhado
Era real.
E há muito sonhado.
Acordada
Agora a realidade.
E novamente a constatação
De viver a vida
Sonhando um sonho...
Dois sonhos...mil deles...
Não importa!!!
Estou viva
Com tempo para tentar
Quem sabe uma vez...duas...mais vezes
Meus sonhos torná-los reais!



Texto escrito por Mari Rosa


terça-feira, 27 de abril de 2010

Poetrix Ausência


À beira da janela
A mente confabula
A tua sempre ausência


De: Mari Rosa

domingo, 25 de abril de 2010

Viver viver a vida

video

Projeto de Mari Rosa

Poesia: VIver A Vida

Viver a vida
Não é tão somente
Ter um inicio
Do fim a que se quer chegar
Nem mesmo o fim do seu iniciar
Na vida é preciso:
Caminhar com leveza
Tecendo sonhos
Pensando alto
Galgando degraus
Sem medo...sem data... sem pressa
Para chegar
E, novamente recomeçar, tudo outra vez!
Texto escrito por Mari Rosa



Depois da chuva
Um duplo arco-íris
Pinta o céu

Escrito por Mari Rosa


Haikais


Época de chuvas
No cordão da calçada
A água canta

Texto de Mari Rosa